Connect with us

Estado

“Muito difícil terminar o campeonato”, diz presidente da FCF após nova suspensão do Estadual

Rubens Angelotti mostrou indignação com o novo decreto | Foto: Assessoria/FCF

Após o Governo de Santa Catarina prorrogar a suspensão dos eventos e campeonatos esportivos até o dia 7 de agosto, o presidente da Federação Catarinense de Futebol (FCF), Rubens Angelotti, concedeu entrevista à CBN Diário para falar sobre o assunto.

Mostrando indignação com o novo decreto, o mandatário fez um desabafo e acredita que o Estadual não seja encerrado em campo. “Muito difícil terminar o campeonato”, disse.

“Eles pediram para fazer o PCR e afastar os casos com Covid, tudo ficou acertado. E hoje (sexta-feira) fomos pegos de surpresa, de novo, com essa notícia de paralisar o futebol. O que vamos fazer? Não concordamos com isso. O futebol não tem público, envolve pouca gente, no futebol todos os jogadores são testados”, completou.

A FCF havia marcado a retomada da competição para a próxima semana, o que acabou sendo vetado pelo governo. Um ato visto como “politicagem” para Angelotti.

“Outros estados com pandemia e o futebol em andamento. O Rio de Janeiro terminou campeonato, o Paraná está terminando, São Paulo também, e nós não podemos. Qual a razão? Qual o motivo? É difícil entender. Estou acreditando que tem uma politicagem muito forte. Não é possível”, destacou.

Ainda segundo o presidente da Federação, o único jeito de terminar a Série A é convencer o Governo a voltar atrás da decisão, já que o fim da suspensão coincide com o início dos torneios nacionais.

“Estamos tentando reverter agora. Não temos mais datas para terminar o campeonato. Nós vamos tentar conversar com o Governo”, finalizou.

More in Estado