Connect with us

Futebol

Semifinais e vaga na Série D: Juventus fecha competições de 2020 com saldo positivo

Foto: Lucas Pavin/Avante! Esportes

Os compromissos da temporada 2020 do Juventus foram encerrados com a eliminação para o Joinville na Copa SC.

Se por um lado, faltou o título da competição, que poderia ser a cereja do bolo com a vaga inédita na Copa do Brasil, por outro, o clube celebra feitos que servem de combustível para continuar sua ascensão em 2021.

A começar pelo Campeonato Catarinense, em que a equipe então comandada por Jorginho fez história ao recolocar o Moleque Travesso em uma semifinal após 14 anos.

Se não bastasse, a campanha rendeu a tão sonhada vaga para Série D do Campeonato Brasileiro, levando o time jaraguaense a um torneio nacional, o que não acontecia há 25 anos.

Por conta da pandemia, a última missão de 2020 acabou sendo arrastada para o atual ano. E apesar de um elenco praticamente todo reformulado, inclusive com um novo treinador, veio mais uma semifinal.

Foto: Lucas Pavin/Avante! Esportes

Desta vez, sob o comando de Raul Cabral, o Tricolor chegou a fase decisiva da Copa SC. Mesmo com a queda para o JEC, algumas boas atuações no campeonato, principalmente no duelo eliminatório contra o rival, dão esperanças de um 2021 ainda melhor para o Juventus.

“Evoluímos nesse processo, mesmo com um time novo. O sentimento é ruim de sair da Copa SC, porque demonstramos futebol para conquistar o título, mas infelizmente não aconteceu. Agora é descansar um pouco e já pensar no Estadual para seguir crescendo e fazer uma grande temporada”, destacou Cabral.

Preparação e busca por reforços

O elenco ganhará alguns dias de folga após a despedida na Copa SC, mas retoma os treinos ainda nesta semana, visando a estreia no Campeonato Catarinense, marcada para o dia 24 de fevereiro, contra o Avaí, em Florianópolis.

O técnico Raul Cabral e membros da diretoria já estão em conversas para trazer novas peças que possam reforçar o time no Estadual.

Uma reunião nos próximos dias deve sacramentar a quantidade e os nomes dos jogadores que interessam para suprir algumas carências do elenco.

“Sabemos que não temos um orçamento dos maiores, mas sim de uma equipe que paga em dia e organizado, que vem crescendo cada vez mais. Precisamos manter e até elevar o nível, porque o Catarinense é um campeonato muito equilibrado e difícil. Temos que estar atentos a todos os detalhes e um deles é a formatação do elenco”, declarou o técnico Raul Cabral.

More in Futebol